sexta-feira, 28 de novembro de 2014

No terreno da vida.



Acordei pela manhã com uma vontade de mudar o dia,a vida mesmo se quer que essa atitude durasse por algumas horas.
De corpo e mente,decida a esquecer que sentia a falta e esperava pela mensagem daquela pessoa todos os dias,ignorar os maus olhares alheios que de nada serviam,enfrentar a rotina sem reclamar apenas agradecendo por estar mais um dia lutando por sonhos,excluir essas "teorias" bobas que eu insistia em  nomear como problemas.
E assim que vamos amadurecendo,percebendo. Como os caminhos são tão amplos,esse planeta grande onde as oportunidades estão apenas nos esperando: podemos conhecer tantas novas pessoas,lugares,viver momentos intensamente bons ou sensações nunca experimentadas antes.
E então chega uma hora em que abrimos os olhos para enxergar o quão pequeno é o " mundinho " hipócrita da sociedade ao seu redor que tenta julgar todos de várias formas,para vermos que tanto tempo é  desperdiçado importando se com fatos desnecessários. (a não ser pelas lições aprendidas com esses erros.)
Não sou alguém experiente e nem com diploma de filosofia ou psicologia,mas pude perceber que precisamos ser mais livres,dar valor a aqueles que realmente nos traz energias boas,a aprender que nem tudo é um campo de flores e harmonia,mas que se plantarmos  com carinho nesse terreno chamado vida,ele tende a melhorar aos poucos.
E só espero levar isso sempre,mesmo nos piores dias.




Nenhum comentário:

Postar um comentário