sábado, 6 de abril de 2013

Você.

Me despedi das minhas amigas de outra sala o mais devagar possível,pois eu sabia que ao subir as escadas,e abrir aquela porta encontraria você naquela sala,conversando com todas as garotas,menos comigo,como se queresse me magoar mais do que eu já estava.
Tudo bem,você conversa com os garotos também,mas continuo pensando dessa
forma. Provavelmente para você não foi nada,mas eu me sentia muito alegre quando me
mandava menssagens,e a gente tinhas aquelas conversas bobas.
Odeio quando por acaso nossos olhares se cruzam e eu insisto naquela teoria de
- "Acho que ele sente minha falta".
As vezes me imagino se apaixonando por alguém,ou indo embora para tirar de uma vez por todas você da minha vida.
Mas até hoje isso não aconteceu,e continuo sentindo saudade,mesmo tentando bloquear tudo e seguir em frente.




2 comentários:

  1. oi sumida, quando tempo que não vejo seus textos.. cara, quando li esse texto sem brincadeira. lembrei de um garoto na hora que eu ficava e de repente ficamos sem nos falar sem saber o porque.doloroso, mas todo mundo consegue superar! as vezes é so uma paixãozinha de adolescente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oii faz um tempo mesmo risos.
      serio?,risos.
      Na verdade eu nao estou magoada tanto que nem antes,so que nossa amizade deixou lembrancas,e ele e da minha sala,e acho um pouco ruim a sua presenca,principalmente na hora de fazer coisas em grupo na sala,ou na educacao fisica,fico torcendo para nao fazer junto com ele risos.
      fiquei feliz com a sua visita.
      xoxo

      Excluir